,haw
Retorno Rolagem parar Modo automático

Mídia e notícias: programas de TV, relatórios, livros, notícias ...Um novo mundo sem regras, bom ou mau?

Livros, programas de televisão, filmes, revistas ou música para partilhar, conselheiro para descobrir ... Fale com notícias afectando de forma alguma o econology, ambiente, energia, sociedade, consumo (novas leis ou normas) ...
Avatar de l'utilisateur
sen-no-sen
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 5575
Inscrição: 11/06/09, 13:08
Localização: Alta Beaujolais.
x 211

não lu mensagempela sen-no-sen » 14/07/12, 11:02

Ahmed escreveu:Nietzsche disse "O homem é algo que deve ser superado".



Nietzsche homem é apenas uma transição para a "outra coisa" ... nós atualmente apenas a metade besta metade -? *

O conceito de equidade é uma construção humana, de modo cultural.

E recente! a abolição da escravatura data apenas de 1848!
A igualdade é um conceito idealista, mas não realista.

Se a hierarquia dentro das sociedades animais é uma necessidade funcional, as sociedades humanas faria bem para distribuir como eles têm superior às habilidades.


Recomenda-se que H.LaboritMas ele vai ter que ser paciente!
O sistema hierárquico está em toda parte, toda a nossa sociedade está baseada neste princípio, a mãe no Elysee ...

* Deus ou o diabo é a nossa escolha!
0 x
"Genius, por vezes, consiste em saber quando parar" Charles De Gaulle.

Avatar de l'utilisateur
Greg T
Eu aprendo econológico
Eu aprendo econológico
mensagens: 39
Inscrição: 03/06/12, 19:18
Localização: Jehay, província de Liège, Bélgica

não lu mensagempela Greg T » 14/07/12, 11:04

Eu acho que nós vamos chegar a algo bom! : Cheesy:

I (nós) fazer uma pergunta:

Concordamos que o homem se distingue dos outros animais pelo pensamento. Falo de pensamento, porque mesmo que o homem é um ser social, ele não é o único (formigas, lobos, golfinhos, ...).

Alguns homens estão na origem das correntes de pensamento que realmente marcaram a nossa história. Poupo-nos a sua enumeração (Eu não quero esquecer um 8) ). Estes homens (ou mulheres) por espalhar seus pensamentos foram líderes (talvez você é você mesmo).

Então aqui está a questão: Tendo líderes na origem das correntes de pensamento que ele não cria automaticamente uma hierarquia, embora a idéia em questão é para remover qualquer hierarquia ???

Imagem
0 x
(Anteriormente conhecida como pseudo Gregconstruct) Porque cada acção conta ... Eu servi-lo um pouco 10 ???
Avatar de l'utilisateur
sen-no-sen
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 5575
Inscrição: 11/06/09, 13:08
Localização: Alta Beaujolais.
x 211

não lu mensagempela sen-no-sen » 14/07/12, 11:20

Greg T escreveu:
Então aqui está a questão: Tendo líderes na origem das correntes de pensamento que ele não cria automaticamente uma hierarquia, embora a idéia em questão é para remover qualquer hierarquia ???



Tenha cuidado para não confundir o nível de consciência ou iluminação com a posição hierárquica!
Jesus Cristo, Buda, etc .. estava no fundo da escada social, foi só mais tarde que as ideologias têm sido feitas sobre eles (as religiões) e re-estabelecer uma hierarquia de lógica.
Originalmente, suas filosofias se destina a libertar o homem do seu ego, o resto (hierarquia, dominação) desaparece naturalmente.
0 x
"Genius, por vezes, consiste em saber quando parar" Charles De Gaulle.
Obamot
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 11085
Inscrição: 22/08/09, 22:38
Localização: regio genevesis
x 64

não lu mensagempela Obamot » 14/07/12, 11:40

Talvez uma das melhores perguntas básicas já pediu neste fo-fo Greg T ...

Atrevo-me uma resposta modesta na forma de pergunta ...: Não é precisamente isso que a tentativa de estudar e aprender tudo o construcionismo (não recuperado, Laborit, Piaget e muitos outros com a psiquiatria psicologia básica VS), que é dizer que cada ser humano é o próprio e construção vector valores da transportadora, socialização, mudança e melhoria da empresa: onde está e life-lo todos os dias é chamado entre outros sentido cívico que o termo é totalmente desacreditado ...
(E não deve / deixará de ser um "líder" como o seu papel seria stoper o "emburrecimento" e, especialmente, como um guia, em vez de guarda chiourme ... bem ... teoricamente, é uma assunto delicado : Cheesy: especialmente quando você ver o que acontece na sala de aula hoje ...

Em tal sociedade, o Ministério da Cultura seria no Estado Centro => mas eu não estou dizendo que este não é o caso, isso depende de como cada uma é habitada política eleita, a partir daí que se torna a norma .... merda eu ainda vou transformar-se a lágrima no olho do LeJusteMilieu ...)
0 x
Avatar de l'utilisateur
Greg T
Eu aprendo econológico
Eu aprendo econológico
mensagens: 39
Inscrição: 03/06/12, 19:18
Localização: Jehay, província de Liège, Bélgica

não lu mensagempela Greg T » 14/07/12, 11:42

Não estou convencido de que a hierarquia e escada social estão ligados. Em qualquer caso, não no início.

E aqui eu acho que no final (graças à sua querida resposta sen-no-sen) para ser realmente separar tudo de entender. Deixe-me explicar!

Hierarquia e escada social são coisas diferentes uma vez que todos em seu nível social pode ser hierarquicamente mais forte. Portanto, se o nosso "mundo", querendo ou não, pára a escada social, pode ser o mestre de seu mundo. Isso não é o mais importante ...

O que parece mais importante é que se tem uma má imagem do líder (eu também, eu acho ...). Na verdade, o líder não é líder. O verdadeiro líder é um guia, uma figura unificadora. Por conseguinte, o verdadeiro líder não tem hierarquia, nenhuma classe social. O líder não impõe nada, ele sugere. Pensando homens e reflexão fazer o resto.

Em suma, não temos líderes, guias ...
0 x
(Anteriormente conhecida como pseudo Gregconstruct) Porque cada acção conta ... Eu servi-lo um pouco 10 ???

Avatar de l'utilisateur
Greg T
Eu aprendo econológico
Eu aprendo econológico
mensagens: 39
Inscrição: 03/06/12, 19:18
Localização: Jehay, província de Liège, Bélgica

não lu mensagempela Greg T » 14/07/12, 11:55

Obamot escreveu:Em tal sociedade, o Ministério da Cultura seria no Estado Centro => mas eu não estou dizendo que este não é o caso, isso depende de como cada uma é habitada política eleita, a partir daí que se torna a norma .... merda eu ainda vou transformar-se a lágrima no olho do LeJusteMilieu ...)


Primeiro de tudo, fico feliz em ver você apreciar minha pergunta!

Voltar ao tópico:
Do ponto de vista da cultura, eu acho que nunca foi tão ruim escopo do que agora. O que é ainda mais angustiante quando o acesso diário a informações é sempre mais fácil! É para muitos tornar-se um mero produto de consumo descartáveis ​​em vez de ser uma fonte de enriquecimento pessoal.

cultura geral é a base do pensamento e do pensamento crítico! O pensamento crítico é de extrema importância quando se trata de respeitar o próximo. Como podemos saber onde começa e termina nossas liberdades sem ser dotado sentido de que?
0 x
(Anteriormente conhecida como pseudo Gregconstruct) Porque cada acção conta ... Eu servi-lo um pouco 10 ???
Ahmed
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 6626
Inscrição: 25/02/08, 18:54
Localização: Borgonha
x 435

não lu mensagempela Ahmed » 14/07/12, 14:07

Greg T um écrit:
Então, aqui está a pergunta: ter líderes que lideram correntes de pensamento não cria automaticamente uma hierarquia, mesmo que a ideia em questão seja suprimir qualquer hierarquia?

É um ponto muito bom e isso é um problema real.
Aqueles com maior probabilidade, em nossa sociedade, a pensar criticamente, são devido à especialização de tarefas, "profissionais" de pensamento, uma vez que leva tempo significativo gasto com esta atividade para que ele é bem sucedido ...
Isto dá-lhes de fato uma espécie de monopólio de pensamento, que é completamente paradoxal, pois o pensamento, para dar pleno sentido deve ser um bem comum (o último adjetivo tomadas em ambos os sentidos).

A questão então é como superar esta situação que restringe severamente o escopo de tais conhecimentos que são expressos ex cathedra*, Reservando-se o uso de maneira elitista e, assim, neutralizar grande parte da sua carga crítica (contradição performativa).

Talvez nós temos uma parte da resposta em seus olhos, como os fóruns permitem uma troca directa, anónimo, assim, sem a autoridade de títulos ou posição social.

* A partir do púlpito (bolsa).
0 x
"Não acredito que acima de tudo que eu te digo."
Avatar de l'utilisateur
plasmanu
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 1780
Inscrição: 21/11/04, 06:05
Localização: 07170.635le viaduc.41ans
x 4

não lu mensagempela plasmanu » 14/07/12, 14:59

Se nós pensamos que é uma minoria
Se o engodo é que prevalece
Se um pensador prevalece é um ditador.

resumo:
Imagem
0 x
Janic
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 5904
Inscrição: 29/10/10, 13:27
Localização: Borgonha
x 64

não lu mensagempela Janic » 14/07/12, 16:10

Talvez nós temos uma parte da resposta em seus olhos, como os fóruns permitem uma troca directa, anónimo, assim, sem a autoridade de títulos ou posição social.
mas essa hierarquia é substituída pela autoridade de conhecimento ou deveria tal. Um cego para os cegos?
0 x
Obamot
especialista Econologue
especialista Econologue
mensagens: 11085
Inscrição: 22/08/09, 22:38
Localização: regio genevesis
x 64

não lu mensagempela Obamot » 14/07/12, 18:48

Modelo e em ruínas na economia real (Notas Wolfgang Streek II)

De acordo com a descrição e os comentários do autor (e meus neuronnes têm bem guardado):

Wolfgang Streek (Obamot não traduzida) escreveu:- "As empresas são instituições sociais, e não apenas contratos privados ou redes de propriedade de seus acionistas [no modelo alemão de compromisso].

Sua ordem interna é uma questão de interesse público e estariam sujeitos a extensa regulação social por lei e acordos industriais.

Além disso, gerentes de grandes empresas alemãs ver com a gestão do capital e um "mercado de trabalho", que são muito bem organizados, permitindo que tanto os donos do capital e da "força de trabalho" para participar diretamente no processo de décidionnel diária da empresa, exigindo que as decisões estão continuamente [re?] negociado.

As decisões demoram mais tempo, mas também são mais fáceis de implementar, uma vez rapé. "


Assim, ainda se acredita que o autor [e t] e uma vez que as empresas estão no paradigma da dívida em dinheiro, vamos vê-lo em termos de "Gallette."

"Mercado de Capitais"

Ainda de acordo com o autor:

Wolfgang Streek escreveu: "[...] O mercado de capitais alemão não é baseado em um paradigma de" controle do mercado [total] ". Muitas empresas continuam a estar em mãos privadas, e apenas uma pequena parte do capital produtivo são negociadas publicamente, os bancos podem deter ações, mas a propriedade é altamente concentrado, e as ações e as empresas não mudam frequentemente mãos.

[No entanto], as empresas são financiados pelo capital próprio, a menos que através de crédito bancário de longo prazo.
Como os bancos podem votar por procuração em nome de ações que possuírem em depósito, eles podem efetivamente controlar a gestão de desempenho, permitindo-lhes "conceder" a empresas para empréstimos de longo prazo e cria um incentivo para eles não [também] especular [diretamente] com o capital.

[Pode-se também deduzir ainda] que as forças sindicais seria semelhante presente em empresas que exerçam direitos legais [executáveis] através dos conselhos representativos dos trabalhadores, que funcionam como órgãos de supervisão. Juntos, esses sistemas de regulação aplicado coletivamente e de acordo com as normas legais, que este co-determinação do regime de emprego, seria difícil para os empregadores despedir os trabalhadores [arbitrariamente] [...] "


PS: Texto [colchetes]: implícitos e reenquadrada do alemão.


Nesta fase, estamos realmente enfrentando uma espécie de direito aplicáveis. Mas ainda é um design sofisticado e avançado de três [ 'CON'] Mc Gregor => Condução, coagir, controle, só eles adicionado de forma concertada e consensual (I certo?)

alguns comentários (Por este sistema, sem tomar uma perso posição)
Arbitragem Bancário sobre a produtividade de negócios (combinando trabalhadores e sindicatos ... e, portanto, também os gestores para a gerência sênior, que também são "trabalhadores"), deve sugerir que as empresas não seriam capazes de assumem para si, apenas o desafio da produtividade que lhes cabe intrinsecamente e, especialmente, que permitiria o controle através do "controlo da gestão de desempenho" (que eu chamo também o "nova gestão").

É muito inteligente! E possivelmente um reflexo da sociedade, mas também uma importante confissão: o sistema capitalista, apresentada como virtuosa, teria falhado em "a motivação de homens para trabalhar"!

Assim, os bancos iria acompanhar / chumbo / néamoins sutilmente iria controlar o sistema de avaliação comparativa com base em uma espécie de sofisma, que na verdade seria um álibi puro para "instalar um poder". Começando com argumentos de 'escrituras sagradas':
- A propensão humana natural ao ócio (! Absolutamente deve ser combatido desde a infância até o fim ...)
- O a priori da síndrome culpa bíblica! (O primeiro culpado, então vê).

Embora, em princípio "economia de mercado" em virtude procurar assegurar a tornar os indivíduos responsáveis, descobrimos que a priori "não podíamos confiar neles!". Isso é totalmente errado, é claro, mas é ainda mais eficaz do que os nervos de guerra: o sub.

Os alemães parecem ter entendido, no entanto, o partido aprendeu com seu modelo, limitando inversamente a influência de bancos ... Para sugerir que as empresas seriam imunizados bancos sujeitos a não tirar proveito de sua posição de especular sobre os mercados através gestão das devoluções é IMHO uma invenção pura da imaginação a muito longo prazo! Desde à mercê de mudanças e ajustes, os especuladores financeiros iria avançar seus peões, tempo de trabalho para eles (... 1 2 3 ... ... gerações ou mais, eles não estão com pressa), e eles acabam controlando com o tempo de todas as empresas e escolher o jackpot (ver Goldman Sachs etc), só levaria tempo: não importa quando a traição é descoberta, todos os antigos ... já estão mortos! Obviamente, isto é feito de forma insidiosa e especialmente na morte bancário .... silêncio.

Isso decorre da observação dos fatos, a longo prazo, que são abundantes os exemplos na história recente, tanto quanto mais velho. Neste contexto, o exercício dos direitos legais é bastante ilusória - consolo: é pelo menos temporariamente - porque a forma jurídica SEGUINTE mudando transmutações sucessivas. Assim, a co-determinação pelos conselhos de empresa - mesmo que ela anda seguro bem como salvaguardas - lança dúvidas de que nós podemos fazer um general sob a proteção do "Conselho Fiscal".

Mas reconheço que não estou qualificado o suficiente para saber o cumprimento das normas legais em vigor (disciplina que é sobre o "Direito Comparado" ...)

No entanto si Wolfgang Streek admite que tal sistema é aplicável apenas para a Alemanha, por razões que eu convidamos você a descobrir ao ler este muito interessantes páginas de texto 28.

A única coisa positiva que possivelmente pode tirar é que este sistema de co-determinação apoia um regime de colaboração, deve ser lembrado: é difícil para os empregadores despedir os trabalhadores (exceto naturalmente dos casos extremos de falência, etc.). É um pouco de um paradoxo, mas funciona momento, estamos a lidar com uma população de trabalhadores que não se recusam a tarefa. E os nossos primos são conhecidos por isso culturalmente. Que pode ser um modelo de disco, mas que é possivelmente antagonista para o tipo de modelo que produz um desmoronamento repetitivo.

A desvantagem é, naturalmente, que não se encontram - entre outros - algumas vantagens "dividendo universal»!

Um cansa de tudo, exceto para aprender ... (Virgílio)

Lembre-se que tudo isso é muito teórico.

Deixo para aqueles que querem o cuidado de fazer uma síntese melhor, porque a minha é certamente muito incompleta.
0 x




  • tópicos similares
    Respostas
    Visualizações
    mensagem dernier

Voltar para "Media & News: programas de TV, relatórios, livros, notícias ..."

Quem está online?

Usuários vendo este fórum: Nenhum usuário registrado e convidados 2